Livros Marketing Digital

curso-online-facebook-redes-sociais

Subscreva Canal

Redes Sociais

Vídeo resumo da apresentação

Slides da apresentação

Transcrição dos slides

Fénomeno Facebook
1000 milhões de utilizadores (4/10/2012)
Login universal em qualquer site
Empresas referem facebook em vez do site
Deu origem a filme e livro
Preparado para empresas, aplicações
Publicidade altamente segmentada
Revoluções e movimentos sociais
Portugal das maiores taxa pen. online 90%
Brasil 2º país facebook com 58 milhões
A maior entrada na bolsa (tech).
 

Continuar...

Redes Sociais

Vídeo resumo do seminário


Slides da apresentação:

Transcrição dos slides:

1 - Planeamento
• Defina um plano – Trimestral – Mensal – Semanal 

2 - Capa criativa
• Capa (cover) simples, criativa, única e adequada ao tipo de página.
• Sem incentivo ao “gosto”, compra ou publicidade de serviços. 

Continuar...

Internet


Slides da apresentação

Continuar...

e-Business

google_facebook_ads
1. Orador: Vasco Marques El Corte Inglés VN Gaia 20 setembro 2012 – 18:30 e transmitido via Web

2. “The real fact of the matter is that nobody reads ads. People read what interests them, and sometimes it’s an ad.” Howard Luck  Gossage

3.  Já fez publicidade online? 20% já fez no facebook e 7% no Google (inquérito realizado a 150 inscritos neste evento)

4. Reflexões:
• Vende-se mais online (PT) tecnologia e turismo
• 14,1H net vs 13,7 TV (semana PT)
• 85% já compraram on-line
• A audiência do Youtube é superior à do programa mais visto em tv
• 1,7 Milhões acesso Internet telemóvel (2015=TLM>PC)
• Pesquisar online e comprar offline.
Fontes: Ibope Nielsen Online – 4º treim 2010, Mediascope europe, comScore 2010 Europe Digital Year in Review, OTX GM / Motorola Study, 2009

5. Antes de começar
• Quais são os objetivos? – Específicos, mensuráveis, realísticos, prazo – Compra, tráfego, marca, contacto, subscrição
• Como pode atingi-los? – Tipo de publicidade, landing page, site,…
• Como o pode medir? – Analytics, estatísticas, apps…

Continuar...

Redes Sociais

O mundo deixou-se conquistar pelo facebook. Qualquer cidadão pode manifestar o que pensa, sente ou está a fazer e em qualquer lado através do seu telemóvel – em alguns países com censura, nos social media, mas há sempre formas de contornar. Em Portugal cerca de 90% dos utilizadores de Internet têm facebook, que corresponde a cerca de 4,5 milhões de pessoas - isto é um poder enorme! Aliás, é dos países do mundo com a maior taxa de penetração facebook dos utilizadores de Internet. No mundo são 955 milhões, havendo mais de metade com acesso mobile (543 milhões), que está a crescer cada vez mais a cada dia que passa. Somos 7 mil milhões no planeta, dos quais 2,3 mil milhões têm acesso à Internet. Por isso podemos dizer que quase metade tem facebook. Se considerarmos que a China, alguns países de língua Russa e mais meia dúzia de países estão fora deste jogo, é realmente um império virtual.

Sobre as manifestações em Portugal, no dia 15 de setembro, em apenas uma semana convocou-se no facebook cerca de 1.500.000 pessoas em 40 cidades, estimando-se que 660 mil tenham saído às ruas, tornando-se provavelmente na maior manifestação em Portugal. Conhecem algum meio de comunicação com mais poder para mobilizar pessoas tão rapidamente? Todos podem registar os momentos e publicar em tempo real, as fotos fervilham por todo o lado. E não é só no facebook, é no twitter, youtube, blogs e sites informativos. É imparável!
Evento no Porto com 330 mil pessoas e evento em Lisboa com 760 mil

manifestacao_15_setembro_que_se_lixe_a_troika 

O blog oficial da iniciativa é http://www.queselixeatroika15setembro.blogspot.pt/ e pode visitar aqui a página oficial no facebook, que está a crescer aos milhares de fãs por dia, onde Lisboa é a cidade com mais fãs e na faixa etária dos 22 aos 44 anos.

As redes sociais e os social media dão um poder enorme às pessoas e têm sido usados em outros países, com resultados conhecidos.

Nunca se passou por uma crise deste nível e com tanta democratização da informação e acessos à Internet em qualquer lado, potencializada pelo efeito viral do facebook. Por isso, é difícil prever as reações em cadeia no mundo das redes socias e como se traduz em efeitos reais.

Estas manifestações não são organizadas por partidos políticos ou sindicatos, mas simplesmente pelas pessoas, que prometem ainda mais manifestações, desconhecendo-se para já a adesão e as proporções que podem ter. Mas existem já dois eventos criados para Lisboa, um deles com 80 mil pessoas e este com 35 mil.

A página de facebook de Passos Coelho, passou de cerca de 400 “pessoas a falar sobre isto” (métrica do facebook que indica o envolvimento dos utilizadores e a página em causa) para 76.000. E o crescimento de fãs passou de 1500 por dia, para 12.000 por dia, ficando agora com cerca de 100 mil fãs. As pessoas estão agora ainda mais atentas a qualquer comunicação no facebook, o interesse aumentou.

A página de facebook de Paulo Portas apesar de contar já com 40 mil fãs, tanto o crescimento de fãs e “pessoas a falar sobre isto” não é muito considerável para já, apesar de percentualmente ter aumentado muito.

Já o António José Seguro, encontra-se numa espiral ascendente, tanto de crescimento de gostos como de “pessoas a falarem sobre isto”, apesar de ainda ter 15 mil fãs.

Ainda é cedo para  interpretar melhor esta informação que ainda não reflete a manifestação de 15 de setembro, mas nos próximos dias estarão disponíveis mais dados.

A verdade está à vista, o mundo nunca mais será o mesmo depois do poder da informação estar em todo o lado. As mudanças acontecem a uma velocidade cada vez maior, não só na tecnologia mas também nas dimensões sociais. Assistimos em dois anos muitas mudanças no mundo graças à rede social que mais pessoas conseguiu conquistar, que não pára de crescer.

O que pensa sobre estas manifestações e a utilização da Internet e Redes Sociais?